Hola!

Tómate un segundo para responder:

Para entrar, tienes que confirmar que eres mayor de edad.
Bem-Estar e CBD

Como usar produtos ricos em CBD?

O CBD foi reconhecida pela OMS como uma substância que não é nociva para a saúde, não é viciante e não tem efeitos psicoativos. Além disso, reconheceram que o canabidiol tem muitos benefícios terapêuticos.

Há diferentes formas de consumir CBD: óleos, cremes, flores, cápsulas, comestíveis, adesivos, óleos de vape… e cada uma tem vantagens e desvantagens.

Há vários factores a considerar ao decidir qual o formato a escolher:

  • O formato. Dependendo do formato, o tipo de absorção e o tempo necessário para que os efeitos sejam sentidos variam.
  • O consumo de Canábis. As pessoas que têm consumido canábis com um elevado teor de THC tendem a ter uma elevada tolerância a alguns canabinóides, tais como o CBD. Por outro lado, as pessoas que nunca utilizaram quaisquer derivados ricos em THC tendem a sentir os efeitos em concentrações mais baixas.
  • Características pessoais. Cada pessoa é diferente e factores como o peso, a idade, a construção, o facto de praticar ou não desporto regularmente podem influenciar a dosagem e concentração necessárias para notar os efeitos desejados.

FORMAS DE UTILIZAÇÃO MAIS COMUNS E EFEITOS

A primeira coisa que precisa de saber antes de utilizar produtos ricos em CBD é que em Espanha só as vendas de dermo-cosmética são regulamentadas, pelo que a sua utilização só é permitida para uso externo. No entanto, noutros países como os Estados Unidos ou a Suíça, a sua utilização é mais regularizada e é permitida de muitas formas diferentes.

A forma como o CBD é usado influencia o tempo que o corpo leva para processá-lo e o indivíduo para perceber os efeitos.

Após utilização, o CBD entra na corrente sanguínea e é distribuída através do corpo, interagindo com receptores do sistema endocanabinóide e receptores de serotonina. Mas o caminho que o CBD leva para lá chegar influencia o tempo necessário para que os receptores sejam estimulados e, portanto, o tempo médio que uma pessoa leva para notar os efeitos.

Utilização tópica

O tempo de absorção variará em função da concentração e da área onde é aplicada. Com este método, a CBD tem de passar por sete camadas celulares da epiderme antes de atingir a corrente sanguínea, pelo que pode demorar 10-20 minutos para que os efeitos sejam sentidos. O tempo médio que leva para o corpo humano metabolizar a CBD topicamente aplicada é de cerca de 2-3 horas.

Utilização por inalação

Este modo de utilização leva o CBD para os alvéolos pulmonares e de lá para o sangue, que é a forma mais rápida e imediata de sentir os efeitos com elevada absorção. O tempo médio que leva para o corpo humano metabolizar a CBD por inalação é de cerca de 2-4 horas.

Utilização sublingual

O CBD entra em contacto com a camada mais fina e permeável da boca, o que favorece a absorção e atinge rapidamente o sangue através dos capilares. Pode demorar entre 20-40 minutos em sentir os efeitos. O tempo médio que leva para o corpo humano metabolizar o CBD por forma sublingual é de cerca de 6-8 horas.

Ingestão oral

Seja sob a forma de cápsulas, extractos, alimentos ou bebidas, este método é talvez o mais desconhecido ou menos utilizado em países como Espanha. Após ingestão, devem misturar-se com ácidos e enzimas, passar pelo tracto digestivo e ser metabolizados pelo fígado antes de chegarem à corrente sanguínea, pelo que o CBD demora pelo menos 30-40 minutos a produzir os seus efeitos, embora a duração dos efeitos aumente para 2-3 horas.

De qualquer das maneiras se tens dúvidas não hesites em contactar-nos através do nosso email atencionalcliente@byflowerfarm.es ou pelo nosso instagram @by_flowerfarmespana

Nenhum produto no carrinho.